Tratamento

Reabilitação Cognitiva

Segundo Luria e colaboradores (2001), a reabilitação cognitiva engloba o estudo das relações que ocorrem entre o cérebro e as manifestações do comportamento. Seu principal objetivo visa à relação entre o funcionamento cerebral e as funções cognitivas, tais como percepção, memória, atenção, praxias, raciocínio, linguagem entre outras.       O funcionamento neuropsicológico é a reunião das funções cognitivas interdependentes para o funcionamento adequado do indivíduo. No momento que uma das funções cognitivas se encontra deficiente esse fato resulta em um comprometimento das outras funções, provocando uma disfunção neuropsicológica.

A Reabilitação Cognitiva é uma técnica que objetiva ao paciente sua recuperação ao máximo possível de adaptação cognitiva, psicológica, social e física, tendo como propósito reduzir a sequela de uma deficiência ou inabilidade funcional na vida de um individuo.

A Reabilitação Cognitiva é indicada aos indivíduos acometidos por lesões neurológicas nas suas formas variadas, psiquiátricas, déficits cognitivos, deficiências nas funções executivas entre outras.